As palavras e suas dimensões

As palavras fogem
Se você deixar
O impacto é grande demais
Cidades inteiras nascem a partir daí
Violentam, enlouquecem ou me fazem dormir
Adoecem, curam ou me dão limites
Vá com carinho no que vai dizer

Vanessa da Mata – As palavras

Quando aprendemos as palavras, aprendemos os seus significados, e com elas aprendemos a falar, e com o decorrer dos anos, aprendemos as letras, e com elas começamos a estudar, e com os estudos nossos horizontes tomam diversos rumos, indo do conhecer ao saber; levando-nos a diversos caminhos, notáveis e deslumbrantes, sejam eles: da ciência, da cultura, das artes, da religião, da política, e entre outros; e todos, conduzindo-nos a trilhar e a fazer escolhas, sejam elas para o bom ou mal proceder, do saber adquirido.

As palavras são mágicas, porque as mesmas que encantam, desencantam, porque muitas delas têm duplo sentido, ou são mal interpretadas. E dentre tantas, algumas iremos citar, não por serem as mais importantes, porém, neste artigo não poderia faltar.

São as palavras que induzem e seduzem. São as palavras que falam a verdade ou a mentira. São as palavras que julgam e condenam, e outras que absorvem para os que trabalham com a justiça. São as palavras que caluniam e se escondem na covardia, e as que salvam e defendem. São aquelas que agridem, mas tantas que abrandam. São palavras que desestimulam, mas aquelas que encorajam. Muitas vezes usamos as palavras para degradar, outras para exaltar; a usamos para dar boas como más notícias, como é o caso dos jornalistas; assim como também a usamos para anunciar a vida ou a morte, como é o caso dos médicos; as que usamos para prometer, aquilo que não iremos cumprir; outros a usam para nos trazer sonhos e ilusões, a alegria e a diversão, a ficção e a fantasia, assim como também verdadeiras histórias, é o caso dos escritores e literários; e em cada profissão as palavras são usadas cada uma conforme sua atividade.

A doutrina espírita usa as palavras para: 1 – aqueles que a procuram, em busca de um lenitivo, consolo e fortalecimento espiritual. 2 – consolar os que se encontram deprimidos, aflitos, e desesperados. 3 – os que querem desvendar o que é incompreensível para eles. 4 – os que pedem conforto para as suas tristezas, e forças para suportar as suas dores. 5 – os que buscam respostas e esclarecimentos, para os que se encontram na dúvida. 6 – os que procuram forças e alívio, quando se encontram sem esperanças. 7 – os que querem libertar-se por meio dos conhecimentos. E como já dizia Jesus: “Se vós permanecerdes na minha palavra, verdadeiramente, sereis meus discípulos e conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará”. Assim como também: “O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras não hão de passar”.

O saber ler e escrever deveriam ser um direito essencial para todo ser humano no mundo, pois eles nos conduzem ao progresso, mas, infelizmente não é o que vemos. Quem poderia imaginar que uma adolescente de 15 anos seria vítima de um atentado por promover a educação, quando deixava a escola em Swat Vavley no Paquistão? Quantas vezes deixamos de falar ou de fazer algo, por medo? Mas este não foi o caso de Malala, sim, o seu nome é Malala Yousufzai, que semanas atrás chocou o mundo, vítima do preconceito que ainda assola as mulheres, escravizando-as à ignorância. Malala sobreviveu, para que o seu ato pudesse ser visto por todos, e para que muitas também tivessem a coragem de dizer: eu também sou Malala!

Foi criada a Women in the World Foundation, em homenagem a Malala Yousafzai. A atriz Angelina Jolie e a jornalista e ativista Tina Brown, além de fazerem suas doações, também estão ajudando a divulgar a iniciativa Women of Impact Award for Girls Education, para arrecadar fundos às mulheres e às meninas que estão batalhando por educação no Paquistão e no Afeganistão.

Por Tereza Cristina Soares, do Centro Espírita “O Consolador” – matéria publicada no Jornal do Commercio de 28/10/2012.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s